Aperte "Enter" para pular para o conteúdo

As características da geração Z: o que os millennials consomem online?

A chamada geração Millennial — jovens entre 18 e 35 anos de idade, que já nasceram conectados à internet e somam 80 milhões de pessoas — trouxe um padrão de comportamento de consumo online, caracterizado pela utilização massiva de dispositivos móveis e pelo consumo de conteúdos audiovisuais (principalmente de curta duração).

Mas você sabe quais tipos de conteúdos são mais vistos por essa nova geração? Qual é o impacto que essa exposição aos novos meios de comunicação tem nos hábitos de consumo do público jovem? Que estratégias de relacionamento utilizar para alcançar e engajar esses usuários? Veja, a seguir, as respostas sobre essas e outras perguntas e conheça as características da geração Z.

Seja bem-vindo à era da geração Millennial

Os Millennials convivem com computadores e smartphones desde o ensino primário. Em função da familiaridade que têm com uma profusão de dados e informações, eles são completamente moldados para comunicar e compartilhar informação com o mundo, via internet.

O poder de compra da geração Z (também chamada geração Y) vem impulsionando o comércio online e trazendo um aumento de gastos em marketing digital. À medida que amadurecem e estabelecem carreiras, os Millennials alcançam um alto padrão de vida e poder de consumo. Essa geração já corresponde à maior parte da população e gasta coletivamente US$ 600 bilhões por ano, segundo a Forbes.

Trata-se da geração com mais poder de consumo que qualquer outra anterior. E, para alcançá-los, as empresas precisam mudar completamente as suas estratégias para atrair os consumidores. Para chegar a esse público mais conectado e antenado, as marcas tendem a aumentar o investimento em estratégias de marketing digital. Esses jovens já não se deixam convencer pelas ações de marketing tradicional, que se tornam cada vez mais obsoletas.

Descubra quais conteúdos são mais vistos pela nova geração

Os Millennials são 60% mais propensos a produzir e compartilhar conteúdo online do que as pessoas das gerações anteriores, segundo o relatório The Millennial Generation Research Review.

O estudo sugere que essa geração está reconectando funções do cérebro com extensos treinamentos multitarefas. Por exemplo, um adolescente pode simultaneamente jogar videogames, assistir TV e fazer o dever de casa. O seu cérebro é treinado para desempenhar tarefas simultâneas, tornando-se capaz de processar informações com maior velocidade.

Essa geração também adora a autoexpressão: 75% deles criam perfis nas redes sociais, 20% postam vídeos online, 38% possuem de uma a seis tatuagens e 23% têm um piercing em algum outro lugar além do lóbulo da orelha.

As principais fontes de notícias da geração Millennial são a televisão (65%) e a Internet (59%), situados à frente dos jornais (24%) e do rádio (18%). Esses jovens nunca estão muito longe das informações novas — cerca de 80% dormem com o celular ao lado da cama.

O compartilhamento de vídeos online em canais como o YouTube e as redes sociais se tornou uma prática comum entre as pessoas — o índice de internautas que adotam essa prática no Brasil cresceu de 49% para 71%, entre 2013 e 2017, segundo pesquisa da TIC Domicílios. Além disso, o compartilhamento de conteúdos na web aparece como algo comum entre 73% dos usuários, em 2017.

Veja como as marcas podem se aproximar dos Millennials

A maioria dos integrantes da geração Z usa as mídias sociais e os smartphones para se conectar com marcas, produtos e serviços 24 horas por dia, sete dias por semana, criando um cenário altamente promissor para estratégias de vídeo marketing.

Essa geração tem um apetite insaciável por conteúdos em vídeo e mídias digitais, com usuários navegando sem parar entre os canais à procura de informações ou entretenimento. As marcas que souberem aproveitar as campanhas com conteúdo em vídeo terão uma oportunidade incrível de engajar essa audiência. Para isso, é importante desenvolver conteúdos para a tecnologia mobile — estudo da Office for National Statistics aponta que 96% dos Millennials utilizam smartphone para acessar a internet.

Ao coletar informações e tomar decisões sobre compras, os Millennials confiam mais em recomendações de colegas e amigos do que na de especialistas ou em campanhas de marketing convencionais. Eles usam mecanismos como os dispositivos móveis para ler depoimentos dos usuários e exploram informações em redes sociais, blogs, vídeos compartilhados e anúncios online.

Por isso, para produzir conteúdos relevantes e que atendam às necessidades desse público, é fundamental entender o que essa audiência quer. Recursos como o social listening podem lhe ajudar a monitorar o comportamento de seu público-alvo e obter mais informações sobre ele para criar estratégias de vídeo marketing. Analisar o conteúdo e as interações de empresas voltadas para esse segmento também pode lhe auxiliar a criar o chamado conteúdo de oportunidade.

Valorize as atitudes e as características da geração Z

Os Millennials também se conectam a uma marca por meio de afiliação a causas que se mostrem atraentes para eles. Por isso, estratégias de marketing devem ser direcionadas para um conteúdo engajado e atento às causas sociais, ambientais e políticas. Esses jovens têm a confiança necessária para defender o que acreditam e os canais de comunicação da internet para expressar as suas opiniões.

De acordo com o The Millennial Generation Research Review, 86% dos jovens dessa geração estão dispostos a compartilhar informações online sobre as suas preferências, o que os tornam ótimos propagadores de suas experiências pessoais e traz grandes benefícios para as marcas escolhidas por eles.

O relatório mostra ainda que os Millennials estão abertos a novas marcas e experiências. Eles se mostram ansiosos para interagir com empresas e interessados em construir relacionamentos duradouros com elas. Com a vantagem de que têm a autoconfiança necessária para defender aquilo em que acreditam.

Conheça uma campanha de marketing bem-sucedida

Um exemplo de campanha de marketing capaz de atrair a atenção dos Millennials é a criada pela State Farm para ser veiculada no Facebook. A ideia era fazer com que uma conversa sobre serviços de financiamento se tornasse mais interessante e relevante para esses jovens adultos.

No decorrer de uma série de vídeos, a campanha conta histórias diferentes sobre a relevância do uso consciente do cartão de crédito pelos consumidores, ao mesmo tempo que demonstra como a State Farm está presente para ajudar a vida deles a dar certo. A ação utiliza uma linguagem informal e descolada, de acordo com as características da geração Z.

Como vimos, os Millennials trazem grandes oportunidades para as empresas que querem explorar as novas possibilidades de comunicação online, utilizando recursos como conteúdos audiovisuais veiculados em dispositivos móveis.

Para se comunicar com essa geração, é muito importante ter canais de comunicação que utilize a internet e os dispositivos móveis para divulgar conteúdos atraentes e de acordo com as características da geração Z.

Você gostou deste artigo? Quer saber mais sobre como produzir conteúdos relevantes em vídeo para alcançar o público da nova geração? Siga-nos nas redes sociais e mantenha-se informado sobre as novidades. Estamos no Facebook e no LinkedIn!

Seja o/a primeiro/a a comentar

Deixe uma resposta